ESCOLHA O ESTADO

Þ  Busque o CAMPING ou CIDADE de destino   ¿

 

 

 

        ESCOLHA A SUA SEÇÃO       

 

buriti alegre-go

  

A Cidade

Pontos Turísticos

Site Prefeitura

  

CAMPINGS

  

Camping aabb

camping iate clube

  

CARAVANISMO

  

POSTOS DE APOIO

  

HOSPEDAGEM

  

Hotéis e Pousadas

  

OUTRAS ATRAÇÕES

  

Site Externo 1

  

PREVISÃO do TEMPO

  

  

OUTRA CIDADES (GO)

 


GUIA MaCamp

  

Como Usar o Guia

Legendas

Compromisso

Outras Localidades

Navegue pelas diversas cidades brasileiras a partir do campo acima.

 


 

 
 

 

APOIO:

  

 

  

 

buriti alegre - go

 

Dados:

 

Fundação: 1927

Habitantes: 8.287

Altitude: 786m

CEP: 75660-000

DDD: 64 

  

Foto: Prefeitura

Buriti Alegre é um município brasileiro do estado de Goiás. Tem como principal atração turística o Lago da Brisas, que é um lago artificial formado pela barragem da Usina Itumbiara e fica á uma distancia de 28km do centro da cidade,ressaltando que até o povoado de corumbazul que totaliza 90% do percurso, a estrada e coberta por pavimento asfaltico.  

 

HISTÓRICO

O povoado de Buriti Alegre originou-se de uma capela consagrada, em 1910, a Nossa Senhora d'Aparecida e construída na fazenda Buriti, por Marta Maria Luíza e Silvana, netas de Maria Teixeira. A imagem da Santa foi transferida da primeira capela, na fazenda de Vicente Maneco, em Goiás, para Tupaciguara-MG, por determinação do Padre Joaquim de Souza Neiva. Anualmente, realizavam-se festas em louvor à Padroeira. Isso contribuiu para a construção de inúmeras palhoças no povoado, que se desenvolviam graças à fertilidade de suas terras e pastagens favoráveis à criação extensiva de bovinos. Uma área de 74 alqueires goianos foi dada por Dona Ana Rita do Espírito Santo para a formação do patrimônio. A partir dessa doação, Buriti Alegre cresceu rapidamente, tornando-se distrito, em 30 de junho de 1914, pela Lei Municipal nº 72, de Catalão. Recebeu categoria de Vila, em 24 de junho de 1920, pela Lei Estadual nº 654, instalando-se em 31 de julho do mesmo ano. A autonomia político-administrativa foi alcançada em 30 de maio de 1927, pela lei Estadual nº 821.  

  

 

  

LOCALIZAÇÃO

ACESSOS E DISTÂNCIAS RODOVIÁRIAS

 

goiânia

192  km

O acesso se dá pelas rodovias:

BR-153   GO-210

18° 08' 38" S 49° 02' 38" O

 

Trajeto: A principal via de acesso de Goiânia a Buriti Alegre é a BR-153, no sentido Aparecida de Goiânia. Passa-se por Hidrolândia, Professor Jamil, Rancho Alegre, Morrinhos e Serrinha, próximo ao Km 7, entroncamento. Em seguida, toma-se a GO-210. Daí até Buriti Alegre são nove quilômetros.

 

Acesse também nosso Guia de Estradas

 

  

UTILIDADE PÚBLICA

informações úteis para você

 

 

 

  

  

  

  

  

O CONHEÇA A NOVA VERSÃO DO MaCamp

  

Entre

 

    

  

RECEBA NOTÍCIAS DO CAMPISMO:

 

  

  

  

  

M.HOME TURISCAR A VENDA!!!
  

 

MODELO RARO!
  

Saiba mais...

  

NOVO FÓRUM

DO CAMPISMO. CONHEÇA...

  

FOMENTE O CAMPISMO

AJUDE O MACAMP NESTE PROJETO...

Saiba mais...

 

  


 

 

 

  

2000 - 2014 MaCamp.   Todos os direitos reservados.
Comentários e Sugestões - Publicidade - Inclua seu camping no guia

  


O MACAMP É UM SITE FEITO POR PAIXÃO AO CAMPISMO. UM PROJETO QUE NÃO VISA LUCROS, RESTRINGINDO SEUS PEQUENOS PROVENTOS À MANUTENÇÃO DO MESMO NA INTERNET. QUALQUER DESACORDO COM ALGUM MATERIAL, FOTO OU DIREITO, ENTRE EM CONTATO VIA FORMULÁRIO, ONDE TOMAREMOS AS PROVIDÊNCIAS DE RETIRADA OU RATIFICAÇÃO.

 

 

Algumas considerações:

Terra de Nossa Senhora

Buriti Alegre surgiu em 1910, quando, através de uma escritura pública, um terreno foi doado para a construção do patrimônio de Nossa Senhora D'Abadia por Ana Rita do Espírito Santo. Vindas de Tupaciguara, (MG), duas irmãs totalmente dedicadas às práticas religiosas, Maria Luiza e Maria Siliana, filha de Maria Teixeira, trouxeram uma imagem de Nossa Senhora D'Abadia e aqui iniciaram suas primeiras orações, o que deu origem ao Arraial de "Abadia de Buriti Alegre", no terreno de Vicente Maneco.Anualmente eram promovidas festas em louvor à Santa, que, com o passar do tempo, motivou a construção de numerosas casas em torno do pequeno templo. Situada em terras férteis, o local não demorou a formar o núcleo populacional. Os principais fundadores foram Leonel Antunes Maciel, Ana Rita do Espírito Santo e Vicente Maneco. A primeira casa a ser construída foi a de um italiano chamado Marcos Fanty. Pela Lei Municipal de Santa Rita do Paranaíba nº 72 de 30 de junho de 1914, foi criado o Distrito de Abadia de Buriti Alegre, pela Lei Municipal nº 83 também de Santa Rita do Paranaíba, foi determinada a instalação do Distrito, que se deu no dia oito de março de 1915. Foi elevado à categoria de município por Lei Estadual no dia 24 de junho de 1920 e instalado no dia 24 de junho do mesmo ano, tomando posse o primeiro intendente Dimas Olímpio de Paiva. Por Lei Estadual, foi elevado à categoria de cidade no dia 24 de junho de 1927. Também por Lei Estadual foi criada a Comarca no dia 24 de março de 1936.A origem do nome da cidade é devido à grande quantidade de palmeiras buritis existentes na região, tendo constantemente em suas folhas grande número de pássaros demonstrando enorme alegria. Daí o nome Buriti Alegre.

Filhos muito importantes

Artistas, escritores e políticos. Personalidades de várias áreas do cenário goiano e até brasileiro têm um ponto em comum: nasceram ou tiveram grande participação no desenvolvimento da cidade de Buriti Alegre. - Gilberto Marques Filho Atualmente desembargador, Gilberto nasceu em Buriti Alegre em 1951 e mudou-se para Goiânia quando tinha dez anos. Cursou Direito na UFG. Foi procurador do Estado e depois Juiz. Passou por várias comarcas no Estado. Em Goiânia, foi titular do Juizado da Infância e da Juventude e da 4ª vara de família. Foi também diretor do Fórum em duas oportunidades. É um dos mais brilhantes do Judiciário goiano e uma das figuras mais respeitadas. Gilberto Marques Filho foi juiz aos 23 anos, em Goiás, o mais novo na época. O mesmo ocorreu quando assumiu uma vaga no Tribunal de Justiça de Goiás. Gilberto mantém laços na cidade, onde tem uma propriedade.- Otávio Lage De Buriti Alegre surgiu um dos governadores do estado. Otávio Lage de Siqueira nasceu em 1924, filho de Jalles Machado de Siqueira e Beatriz Lage de Siqueira. Em 84 formou-se em Engenharia Civil em São Paulo. Foi engenheiro do Departamento Nacional das estradas de Rodagem, professor e diretor do Ginásio Estadual de Goianésia e prefeito desta cidade. Logo após, governou o estado de 31 de janeiro de 1966 a 15 de março de 1971. - Jovair Arantes O atual deputado federal nasceu em Buriti Alegre e é filho de José de Oliveira Arantes (Juca Arantes) e Maria José de Oliveira Arantes. Mudou-se para Goiânia em 63 e, em 81, formou-se Odontologia em Anápolis. Foi vereador, deputado estadual, vice-prefeito de Goiânia e está em seu segundo mandato como deputado federal.- José ferreira, o Marrone O filho de Buriti Alegre, hoje com 35 anos, faz parte da dupla Bruno e Marrone, que depois de 16 anos de carreira, conquistou de vez o Brasil. Delúbio Soares de Castro Fundador do Partido dos Trabalhadores em Goiás, Delúbio começou com ativista ainda estudante. Foi um dos principais líderes dos professsores em Goiás. Membro da Executiva Nacional do PT, é atualmente tesoureiro da campanha do candidato a presidente do PT, Luiz Inácio Lula da Silva, sendo, inclusive, cotado para ser um de seus ministros, caso ele seja eleito.- Hélio de Souza Foi coordenador-geral da OVG. - Coronel J. Caetano Machado Coronel da Guarda Nacional e um dos pioneiros do município.- Antônio de Lisboa Machado Foi procurador-geral do estado e procurador da república, deputado estadual e federal em dois mandatos cada um. - Alcindo Caetano Machado Empresário, um dos pioneiros e sogro do deputado federal Vilmar da Silva Rocha.- Feliciano Machado Braga Foi promotor de justiça e juiz de direito, e concunhado do então governador José Feliciano Ferreira.- Tonico Toqueiro Fazendeiro e patrono do Vila Nova Futebol Clube.

Forte criação de gado bovino

Forte criação de gado bovinoCom uma agricultura bastante diversificada, com destaque para milho, arroz, soja e café, Buriti Alegre tem na pecuária sua força na economia Buriti Alegre está localizado na mesorregião do Sul goiano e microrregião do Meia Ponte, Vertente Goiana do Paranaíba – 360º, sul do Estado, às margens da rodovia estadual GO-210. Faz limites com os seguintes municípios: ao norte, Morrinhos; ao sul, Itumbiara e Tupaciguara, Minas Gerais; a leste, com Água Limpa; e, a oeste, com Goiatuba. Possui apenas um povoado, chamado Corumbazul, localizado às margens do Lago das Brisas, com uma população flutuante devido ao turismo que o mesmo proporciona.O clima pertence ao tropical úmido, sendo o período mais quente entre outubro e março, época chuvosa. Com uma área de 945 quilômetros quadrados, abriga uma população de, aproximadamente, 8.718 habitantes, 7.371 na zona urbana e 1.347 na zona rural, dados do IBGE, a uma distância de 192 quilômetros da capital. Possui uma altura de 620 metros, e localidade geográfica 49º02'38'' de longitude e 18º08'38'' de latitude, numa densidade demográfica 10,8. A topografia apresenta-se com parte plana e parte montanhosa.Encravado na bacia fluvial do Paraná, o município é banhado por diversos rios, destacando-se o Paranaíba e seu afluente Corumbá, constituindo assim a cabeceira-mor do Paraná. Possui ainda o rio Piracanjuba, que deságua no Corumbá. No local pode-se achar as notáveis cachoeiras Antas e Mimoso. Sua economia é baseada na criação de bovinos. A agricultura do município é diversificada, destacando-se o milho, arroz, soja, café, laranja, banana e acerola. As principais festas realizadas são: a festa em louvor a São Sebastião, comemorada dia 20 de janeiro; a exposição agropecuária, nos período de julho/agosto, com visitantes de vários lugares do Estado.

Importância da pecuária

EconomiaImportância da pecuáriaNos anos 50, Buriti Alegre já teve um dos maiores rebanhos de gado zebu de todo o Brasil. Hoje, apesar do cenário não ser o mesmo, a cidade ainda destaca-se em todo o sul goiano pela qualidade do gado. Estima-se que o número de reses gire em torno de 105 mil cabeças.A ecomomia da cidade advém justamente da pecuária. Para o secretário de Agricultura, Edmar Gonçalves, as condições do solo favorecem a criação de gado. "Apesar de nosso forte ser o gado, também temos uma grande produção de banana, arroz (que é nosso principal produto), milho, soja e tomate (ainda cultivado de forma rudimentar). Há alguns anos nossa produção de banana prata era tão grande que exportávamos para Uberlândia, Brasília e São Paulo", afirma Edmar. Um dos problemas apontados pelo secretário é a concentração de terras. "Os grandes proprietários só arrendam as terras para os pequenos quando o solo já está desgastado e com pouco potencial produtivo. Muitos também nem fazem a correção das terras e a alternância de culturas, o que proporcionaria menor desgaste", complementa.Outro destaque na economia de Buriti Alegre é a agroindústria, que gera empregos e divisas para o município. A cidade já conta com um frigorífico de gado e um abatedouro de frango (que abate cerca de 9 mil animais por dia) e futuramente será construído mais um de grande porte. "Com a instalação deste novo abatedouro, vamos aumentar nossa produção de milho", complementa Edmar.